Marta Blanco

documentadora
[Espanha / Madrid]

Em paralelo ao jornalismo em Espanha, Bolívia, Portugal e Brasil iniciou um percurso artístico ligado ao ativismo com estruturas como o OKupado Social Center Labo 3, coletivo C.A.S.I.T.A. ou Medialabmadrid. Em 2009 começou a colaborar em processos artísticos com María Íñigo, Olga Mesa, Chus Domínguez e Cristina Busto. Entre 2012 e 2015, desenvolveu o arquivo visual do Teatro Pradillo, Madrid. Destaca os projetos de criação coletivo: holaestashaciendounapeli (2010-2013), Los tres cerditos (2014-), LaXataLaRifa (2016) e “Ablaña: Dead City” (2017). Preparaum documentário sobre Monica Valenciano.

 

⟵ participantes

SalvarSalvar